25 de outubro de 2021

IMPRENSA PRETA

COMUNICAÇÃO DIVERSIDADE E INFORMAÇÃO

Agosto mês do aleitamento materno

Família, profissionais de saúde e toda sociedade são convocados à incentivar a amamentação

 

Com o tema  “ Proteger a amamentação: uma responsabilidade de todos” , a Aliança Mundial para Ação do Aleitamento Materno deste ano pretende envolver não apenas as mulheres mas toda a sociedade para na luta pelo incentivo à amamentação.  A cor dourada remete ao padrão ouro do leite materno. 

A data comemorada no Brasil desde 2017 visa incentivar e orientar as mulheres sobre a importância da amamentação, exclusivamente, nos seis primeiros meses de vida do bebê e até dois anos juntamente com outros alimentos.     

 Em Campinas, por exemplo, a Maternidade conta atualmente com um estoque de 103,3 litros, quando o necessário para atender os recém- nascidos da instituição seriam pelo menos 200 litros. A quantidade disponível no hospital além de insuficiente, não foi doada por mães que já tiveram seus filhos e voltaram para casa, são de mães que continuam com seus bebês internados na UTI ou UCI neonatal que necessitam do leite materno para sobreviver. 

 Durante o inverno o número de doações é baixo, mas os bebês internados continuam necessitando do líquido dourado para continuarem vivos. 

  Além do pedido de doações, o Banco de Leite da Maternidade de Campinas, ajuda e orienta as mães com dificuldades para amamentar bem como, orienta na coleta do precioso líquido que salva a vida dos bebês.

Mensalmente, cerca de 750 bebês nascem na Maternidade de Campinas, sendo 60% deles atendidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS). As 49 doadoras cadastradas atualmente na instituição não atendem a demanda de recém-nascidos.  O leite materno oferece diversos elementos que fortalecerão e protegerão o sistema imunológico até a fase adulta do indivíduo além de beneficiar a saúde psíquica da mãe e do bebê.  

Menor tempo de internação e reinternação assim como, a redução de infecções são alguns dos benefícios do aleitamento materno que é a forma mais natural e segura da alimentação no início da vida. 

Orientações sobre amamentação, dúvidas ou problemas neste período podem ser obtidas no Centro de Lactação-Banco de Leite Humano de Campinas pelo telefone: (19) 3306-6039 de segundas às sextas-feiras das 08h às 17hs. Sábados, Domingos e Feriados das 08h às 11hs. 

Mulheres, amamentem seus filhos e doem o excedente!